News Releases

Lançamento do AppCode 2022.3 e fim das vendas e suporte

Read this post in other languages:

Olá!

O AppCode 2022.3 já está disponível! Ele chega compatível com o macOS 13 e o Xcode 14.2, traz mais recursos de refatoração no Swift, permite injeções de linguagens e oferece uma nova abordagem à sincronização de configurações.

Com o lançamento da versão 2022.3, estamos tirando o produto de linha. A partir de 14 de dezembro de 2022, não venderemos mais novas assinaturas do AppCode, nem renovaremos as já existentes. Todas as assinaturas ativas ganharão um fallback da versão 2022.3.

Descontinuação do AppCode

Desde o lançamento do AppCode 1.0, 11 anos atrás, temos usado nossa expertise para deixar mais agradável a programação para iOS/macOS. Tivemos muitas realizações, incluindo um suporte de primeira ao C++ (do qual nasceu o CLion, nosso IDE multiplataforma para C/C++), um lançamento extremamente rápido do suporte inicial à nova linguagem Swift e, finalmente, a tecnologia do Kotlin Multiplatform Mobile, que combina nossa paixão pelo Kotlin com nosso conhecimento de tecnologias móveis.

Embora tenha havido algum crescimento na adoção do AppCode, não atingimos a parcela do mercado que esperávamos. Acreditamos que chegou o momento de tirarmos o produto de linha e concentrarmos nossos esforços em outras direções.

Até 31 de dezembro de 2023, continuaremos a dar suporte técnico e a lançar atualizações para resolver especificamente problemas de compatibilidade com o Xcode 14, além de atualizações críticas de segurança, conforme a necessidade. O escopo das atualizações será limitado a estas duas áreas.

Observe que a Kotlin Multiplatform Mobile é independente da descontinuação do AppCode e novos investimentos naquela ferramenta continuarão a ser feitos. Para mais informações e atualizações, confira o blog do Kotlin.

Extensão do fallback

Normalmente, quando é concedida uma licença de fallback, o usuário ganha uma licença para a versão do produto com a qual ele iniciou sua assinatura. Mas como gesto de gratidão, desta vez estamos fazendo diferente. Aqueles que receberem licenças de fallback vão recebê-la para a versão que estiver disponível quando vencerem suas assinaturas.

Por último, mas não menos importante, gostaríamos de agradecer a vocês pelo seu apoio e por ajudar o AppCode a evoluir ao longo dos anos!

Atualização 2022.3 do AppCode

Compatibilidade

Nesta versão, corrigimos uma exceção que ocorria na abertura do projeto, desativamos o aviso de compatibilidade com o macOS e corrigimos um problema ao criar uma build para um dispositivo na integração com o Reveal no macOS 13. Com essas atualizações, agora o AppCode 2022.3 é compatível com o macOS 13 e o Xcode 14.1.

Melhores recursos de refatoração no Swift

Temos nos empenhado em tornar melhor a refatoração no Swift. Nesta versão, ampliamos a lista de capacidades e melhoramos as já existentes:

  • Foi adicionada uma nova refatoração Inline function (⌥⌘N). O usuário pode especificar se todas as invocações ou apenas a selecionada devem ser substitutuídas, e também se a função tornada in-line deve ser removida:
    Inline Function in Swift
    Ao fazer o inlining, o IDE verifica a acessibilidade dos símbolos usados na função tornada in-line, processa adequadamente os argumentos da função inout, faz o inlining preciso de chamadas implícitas a métodos estáticos e muito mais.
  • Ao criar uma propriedade a partir do uso ou de sua extração, o AppCode agora sugere a possibilidade de escolher entre declarações de propriedade var e let.
  • Extrair um método a partir de um static subscript agora gera um método static. Agora o AppCode também leva em conta o tempo de vida da variável e não ignora mais o modificador mutating.
  • Ao se extrair uma conformidade de protocolo para uma extensão, os comentários da documentação não são mais perdidos.

Complementação melhorada de inicializadores e desinicializadores

A complementação de código no Swift recebeu várias melhorias:

  • Agora o preenchimento inteligente ignora @autoclosure para permitir a designação ao montar uma lista de opções.
  • Ao completar palavras-chave init e deinit, os espaços redundantes são removidos e, no lugar deles, as chaves e os parênteses necessários são acrescentados depois das palavras-chave.
  • O AppCode 2022.3 também habilita a ação complete statement de inicializadores e desinicializadores.
Complete statement

Pré-visualização de intenções

Se você não estiver seguro quanto a uma correção rápida ou quiser apenas ter uma prévia do que exatamente vai mudar, abra o pop-up da Documentação Rápida (F1) de uma correção rápida selecionada no menu ⌥Enter. Isso ativará a pré-visualização de intenções e você poderá ver como o código será atualizado se a correção for aplicada.
Pré-visualização de intenções

Linguagens injetadas

Em literais de string no Swift que contenham strings de SQL, código em HTML, expressões regulares ou outros exemplos de outras linguagens, você pode injetar essas linguagens na string através do menu ⌥Enter. Fazer isso realçará o código de forma precisa, com base na linguagem escolhida e nas intenções específicas daquela linguagem, e criará uma seção dedicada do editor para editar aquele fragmento específico de código.
Injeções de linguagens

Atualizações a diagramas UML

O AppCode 2022.3 aperfeiçoou os diagramas UML para classes Swift e Objective-C:

  • Você pode arrastar itens a partir de arquivos na Visualização de Projeto para o diagrama.
  • Você pode filtrar nós do diagrama por escopo, como, por exemplo, todos os arquivos alterados, todos os arquivos abertos ou os arquivos de código-fonte do projeto.

Nova solução para a sincronização de configurações

Está disponível uma nova solução para sincronizar configurações entre diferentes instalações do produto, ou mesmo entre diferentes IDEs baseados no IntelliJ. Essa solução armazena as configurações na nuvem e é capaz de sincronizar todas as configurações compartilháveis da plataforma, plug-ins integrados e plug-ins de terceiros. Saiba mais e habilite essa solução em Preferences | Settings Sync | Enable Settings Sync.

Baixar AppCode

A Equipe do AppCode
JetBrains
The Drive to Develop

Artigo original em inglês por:

Luiz Di Bella

Anastasia Kazakova

image description